fbpx

Bonito

A PARTIR DE 10x

R$ 110,00

Fora de estoque

Fora de estoque

Categoria

Product Description

Bonito é simplesmente o melhor destino para mergulho fluvial do Brasil. Na nascente cristalina do Rio Baía Bonita, que forma o Aquário Natural, ou no Rio Sucuri, de leve correnteza, você nada lado a lado com diversas espécies de peixes coloridos.

É uma típica “viagem família”, mas isso não quer dizer que o destino não tenha muita aventura – há passeios de botes em corredeiras, boia-cross, mergulho com cilindro e até rapel no incrível Abismo Anhumas, uma das maiores cavernas submersas do país.

A preocupação com o meio ambiente, por aqui, é levada a sério. Parece até que muitas das atrações da cidade foram descobertas recentemente, de tão intocadas.

ATRAÇÕES IMPERDÍVEIS

Os passeios de Bonito podem ser divididos em algumas categorias. Nas flutuações, atrações máximas da cidade, a correnteza te leva por águas cristalinas, enquanto cardumes de diversas espécies nadam ao seu lado. As do Rio da Prata, do Rio Sucuri e do Aquário Natural são destaque; na Nascente Azul, o visual é exuberante e o passeio inclui outras atrações do balneário. A flutuação da Barra do Sucuri também é uma opção.

Entre as grutas, os destaques são a Gruta do Lago Azul, com um lago de um tom azul mágico, quase irreal e as Grutas de São Miguel, cujo passeio começa em uma trilha suspensa e segue gruta adentro, cheia de estalactites, estalagmites e outras formações geológicas.

A Boca da Onça é a cachoeira mais alta do estado, com 156 metros de altura, mas a trilha ecológica da Boca da Onça, com 4 km, passa por outras dez quedas. Outras opções são o Parque das Cachoeiras, com seis cachoeiras e a Estância Mimosa, com sete paradas para banho, três das quais são divididas com o Parque das Cachoeiras.

Das atrações de aventura, o Abismo Anhumas é a mais radical: primeiro, é preciso passar por uma estreita fenda no chão e descer de rapel por 72 metros de altura, até um lago cristalino. Lá, é possível flutuar ou mergulhar com cilindro (para mergulhadores certificados) e observar os enormes cones de calcário submersos. Outros bons passeios para quem quer adrenalina são os mergulhos na Lagoa Misteriosa (que também oferece flutuação) e o boia cross e o arvorismo do Hotel Cabanas.

QUANDO IR

Dá para ir para Bonito o ano inteiro, mas a época de seca, entre junho e agosto, é a melhor para as flutuações – aproveite para acompanhar a programação do Festival de Inverno, em julho.

Fonte: Viagem e Turismo